Em Defesa do Poeta de Guilhafonso

Decorreu, no passado sábado, uma caminhada em defesa do castanheiro de Guilhafonso, organizada pelo núcleo da Guarda da Quercus e com apoio de outras associações, incluindo a Árvores de Portugal.

Um dos objetivos desta atividade era chamar a atenção das autoridades municipais da Guarda e da comunicação social, para a urgência em implementar medidas que visem salvaguardar este espécime notável e todo o património biológico que ele encerra.

A iniciativa foi um sucesso, com mais de 20 participantes, tendo contado com a presença de Gonçalo Amaral, responsável pela área do ambiente na Câmara da Guarda, que elucidou os presentes sobre os resultados preliminares do estudo feito por Luís Martins, técnico da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

Esperemos estar ainda a tempo de salvar esta árvore centenária, o maior poeta de Guilhafonso.

(Fotografias da autoria de Ricardo Nabais.)

Deixar uma resposta

Mantenha-se no tópico, seja simpático e escreva em português correcto. É permitido algum HTML básico. O seu e-mail não será publicado.

Subscreva este feed de comentários via RSS